Começa em Milão a maior Design Week do mundo

Começa em Milão a maior Design Week do mundo

Evento anual motiva profissionais e mercados com inovação e geração de negócios

   A Brazil S/A  acontece paralelamente ao Salão Internacional do Móvel, que recebe cerca de 300 mil pessoas anualmente. O objetivo é apresentar produtos e aumentar a visibilidade dos países envolvidos. Durante os dias de intensa programação, a troca de informações promove o aprofundamento das relações entre profissionais e empresas de todos os cantos do Planeta. A exposição de obras abrange praticamente todos os segmentos através de produtos e serviços do setor. Na imagem, poltrona An Life, de Dimitrih Correa, 23 anos, carioca, segunda vez na Week, graduando em DI na UFRJ.  

Design total

   A Design Week de Milão é o principal evento do setor por abrir portas para todos os envolvidos em produtos e serviços do Design em todas as suas formas: mobiliários, objetos, cerâmicas, pedras, revestimentos, couros, tecidos, tapetes, vidros, iluminação, tecnologia, moda, gastronomia, arquitetura, decoração, artesanato. Destaques da participação brasileira nas exposições 100% Brasil, BE BRASIL, Ceramics of Brasil, Guard Rail e Neon - objetos caligráficos, Joias do Brasil e SETTE7 BRASIL. "A exposição '100% Brasil' visa responder e explica porque a criatividade no país é rica, cosmopolita e plural. A Design Weekend de Milão nos permite uma interação com a comunidade internacional oferecendo uma viagem na cultura e na criatividade local: o valor intangível de ideias se traduz em itens exclusivos, graças à extraordinária habilidade com o handmade e a cultural tradição produtiva”, diz o idealizador e curador da exposição José Roberto Moreira do Valle. 

“Be Brasil” - Brazil S/A

   Se o grandioso Salão Internacional do Móvel abraça os cinco continentes, a participação brasileira comparece na Itália registrando primor em qualidade ao oferecer negócios cada vez mais comprometidos com originalidade e esmero. Este ano, em oitava edição, a Brazil S/A comprova sua determinação em levar a Milão o melhor da produção que há no mercado interno brasileiro. 

Brasileiros em Milão, para o mundo

   Uma mistura de criações de designers já reconhecidos em premiações internacionais e peças de novos talentos estará representando a indústria brasileira de mobiliário, iluminação, rochas e cerâmicas na Design Week.  As 60 empresas brasileiras também vão participar de rodadas de negócios com compradores internacionais, onde terão a oportunidade de negociar seus produtos. Outro ponto alto do evento é o seminário Be Brasil Talks, onde designers brasileiros vão falar sobre sua experiência na criação de produtos para o mercado internacional. Entre os 44 participantes na Brazil S/A deste ano estão nomes reconhecidos como Ricardo Graham e Zanini de Zanine, coletivos como Mula Preta e Ovo, jovens talentos que despontam na carreira como o ainda estudante da UFRJ Dimitrih Correa – pela segunda vez no evento, e designers que estreiam na Design Week como Caio Superchi.  

Conheça os trabalhos que estão na Brazil S/A 2017: 

Adolini & Simonini (duty collection)

Adriana Fortunato (jogo americano)

Amélia Tarozzo (carrinho bar e chá barolo)

Ana Neute (lampa guarda chuva table)

Andrea Macruz (descansos de mesa)

Ângela Leon (jardim inflável)

Angelo Duvoisin (poltrona brera)

Bernardo Senna (poltrona joaquim)

Bruno Faucz (poltrona vip)

Bruno Jahara (paleae brasilis)

Caio Superchi (luminária viga)

Carol Gay (vaso bola)

Cecilia Maria Sottovia Aranha (yoyu)

Cristiana Bortolai (espelho relativo)

Daniele e Vinícius Capella (bancada nó)

Dedéia Meirelles (bolsa multiuso)

Dimitrih Correa (poltrona an life)

Estúdio Bola (poltrona yoná)

Fabíola Bergamo (luminária de mesa reflex)

Fernando de Sá Motta (poltrona amon)

Flávia Pagatti (mesa ciranda)

Gerbar (ventilador pedestal)

Greco Designer (projeto Pampulha)

Gustavo Martini (edge chair)

Henrique Steyer (bory onça para blue man)

Inês Schertel (luminária cocoon e banco xucro)

Leandro Garcia (banco linhas)

Luiz Pedrazzi (bandeja mosaico)

Manu Reyes (mesa lateral triângulo)

Marcelo Bilac (cavalete)

Maria Fernanda P. de Barros (banco memória)

Mula Preta Design (poltrona patroa)

Noemi Saga (hermit lamp)

Ovo (poltrona clave)

Rejane Leite (poltrona jóquei)

Renata Meirelles (série plis)

Ricardo Graham (banco sela)

Roberta Rampazo (mesa fina)

Rodolpho Guttierrez (lareira lug)

Rona Caparana (luminária brinco de viúva)

Ronald Sasson (banco kansai)

Sérgio Matos (cadeira morototó)

Terinn (poltrona cigarra)

Zanini de Zanine (poltrona face)

Terceira delegação e concurso

   O Brasil marca presença no Salão sendo a 3ª maior delegação que visita Milão durante a Design Week, lançando e divulgando produtos no evento que espera receber pelo menos 130 mil visitantes nacionais e internacionais. Neste ano, a Brazil S/A traz duas novidades: a renovação da parceria com a revista Interni e a promoção do concurso "Mad for Design, Mad for Brazil" formado por eventos especiais dedicados a criatividade em design, moda, arte, e comida e visa identificar conceitos inovadores, considerado uma ponte entre a criatividade brasileira e produção italiana. O Concurso é destinado a estudantes e profissionais brasileiros de arte e design que contam em seu currículo com uma participação profissional ou acadêmica na Itália. São atribuídas duas vertentes a competição elaboradas pelas empresas patrocinadoras Rossi di Albizzate e La Murrina.  Mad For Design, Mad For Brazil" é projetado pelo Studio Marcello Albini e promovido com a colaboração da Brazil S/A, MAD Zone, Cibartisti Association, Rossi di Albizzate, La Murrina, IED e Swarovski, com patrocínio do Consulado Geral do Brasil em Milão e com a colaboração de POLI.design e Consórcio Politécnico de Milão. com curadoria do Poli.Design de Milano.

Alê Jordão, cadeira guard rail

Alê Jordão, cadeira guard rail

Brasil na Praça Central

   Destaque do evento, o designer Alê Jordão é o único brasileiro que se apresentará na praça central da Universidade, a Cortile D’Onore, dentre designers internacionais renomados como: Alessandro e Francesco Mendini, Kat Vov (Sephora), Luca Trazzi, Michele de Lucchi (Ferragamo), Ron Arad, Simone Micheli, entre outros. Nos últimos anos, Alê vem apresentando sua jornada criativa de exploração das possibilidades expressivas de luz e expõe nessa edição uma nova série de objetos caligráficos feitos através do uso de luzes de néon. A “Guard Rail” é uma instalação artística composta por mobiliários-esculturas em forma de bancos, espreguiçadeira entre outras peças. Os móveis foram criados a partir de grades de metal padronizadas, que são usadas pela administração pública para organizar o trânsito. As grades que o artista garimpou em "ferro-velhos" – para transformar em mobiliário urbano - estavam amassadas e inutilizadas. Suas formas retorcidas se transformaram em inspiração para o design de cada móvel, como bancos, camas, cadeiras, entre outros objetos.

Salão Internacional do Móvel, Design Weekend, Brazil S/A

De 3 a 9 de abril, 10h às 24h

Universitá Degli Studi di Milano, Itália

Evento do Miúda ocupa Sérgio Porto

Evento do Miúda ocupa Sérgio Porto

Nelson Felix se apropria do Museu e fecha Série de 1984

Nelson Felix se apropria do Museu e fecha Série de 1984