"Leonardo da Vinci - 500 anos" chega em novembro em São Paulo no MIS Imersão

"Leonardo da Vinci - 500 anos" chega em novembro em São Paulo no MIS Imersão

Espaço de 2,2 mil metros quadrados e 150 projetores para promover experiências multissensoriais inesquecíveis

Cinco séculos depois da morte de Leonardo da Vinci (1452-1519), diversos museus têm organizado exposições especiais para celebrar o artista mais importante do Renascimento italiano. De agosto a setembro, “O gênio dos gênios” esteve em exposição no Palacete das Artes, em Salvador. Em São Paulo, a imersiva que chega do exterior, programada inicialmente para este mês foi reagendada para novembro no MIS imersivo - o primeiro espaço neste estilo na América Latina, criado em parceria com a TV Cultura/Fundação Padre Anchieta.

LDV.jpg

Projeção inspirada no Atelier des Lumières

Leonardo di Ser Piero da Vinci foi um polímata nascido na atual Itália, uma das figuras mais importantes do Alto Renascimento, que se destacou por deter conhecimento em várias áreas. Atuou como cientista, matemático, engenheiro, inventor, anatomista, pintor, escultor, arquiteto, botânico, poeta e músico. Nasceu em 15 de abril de 1452 na Itália e faleceu em 2 de maio de 1519 na França. Bastante apropriada a escolha deste grande nome para usar o espaço do MIS Imersão nos moldes do espaço francês Atelier des Lumières.

Inaugurado em 13 de abril de 2018, o Atelier des Lumières renovou o cenário de exposições com a abertura da Oficina de Luzes com três exposições "Gustav Klimt" e "Hundertwasser" - realizada por Gianfranco Iannuzzi, Renato Gatto e Massimiliano Siccardi - e "POETIC_AI" , instalação contemporânea proposta pelo coletivo Ouchhh. O Atelier fica entre a Bastilha e a Nação, em uma antiga fundição do décimo primeiro distrito de Paris, e apresenta exposições imersivas monumentais. Com 140 projetores de vídeo e um sistema de som espacializado, esse equipamento multimídia exclusivo ocupa 3.300 m² de espaço. do chão ao teto, com paredes até dez metros.

LDV-santa ceia.jpg

No MIS Imersão, a área tem total de 2,2 mil metros quadrados e 150 projetores. Uma das atrações é uma animação do afresco “Última Ceia”, em projeção da obra em tamanho real (4,6 m x 8,8 m). “É um desafio que eu encaro com muito otimismo e alegria. Nós estamos vivendo o mundo da imagem, o mundo do som, e o museu é exatamente isso: o Museu da Imagem e do Som. Em consonância com o que acontece no mundo, ele pode estar desenvolvendo uma série de ações. Ele já vem desenvolvendo ações muito positivas, mas ele pode desenvolver ações mais fortes, que podem ganhar uma outra dimensão. O MIS tem que se espalhar no Estado de São Paulo”, declarou o diretor do MIS, Marcos Mendonça.

Experiência multissensorial

“Leonardo da Vinci – 500 anos” já foi exibida no Canadá e nos Estados Unidos, mostra uma experiência imersiva multissensorial de 45 minutos, com seções sobre réplicas de arte renascentistas do artista italiano, seus esboços anatômicos, máquinas inventadas a partir de seu conhecimento.

O MIS Imersão ocupa um espaço de dois mil metros quadrados, com pé direito de 10 metros, onde funcionou a marcenaria da TV Cultura/Fundação Padre Anchieta e os recursos para a exposição foram captados via Lei Rouanet e ProAC ICMS. “A Política Cultural deve ter impacto no desenvolvimento humano, no desenvolvimento econômico, no desenvolvimento social, e portanto também é uma política de educação, de segurança pública e de saúde, porque repercute de maneira integrada em todas essas áreas”, comentou o Secretário de Cultura e Economia Criativa, Sérgio Sá Leitão.

ldv-3.jpg

Evento especial no Louvre

A programação mais aguardada nessas comemorações está marcada para acontecer no Museu do Louvre, em Paris, a partir de 24 de outubro. A retrospectiva sobre a vida e carreira do artista reunirá pinturas raras, além de grandes clássicos conhecidos mundialmente. “Queremos mostrar o quanto Da Vinci dava vida às suas pinturas. Essa era sua principal forma de investigar e explicar o mundo”, afirma Vincent Delieuvin, um dos curadores da exposição.

Itinerante de desenhos no Reino Unido

O Royal Collection Trust, no Reino Unido, exibe uma coleção nacional de desenhos em 12 cidades diferentes, de Belfast, na Irlanda do Norte, a Southampton, na Inglaterra. “Leonardo da Vinci – A Life in Drawing”, em cartaz até 13 de outubro, reúne ao todo 150 peças. Além disso, 50 desenhos adicionais estão em exibição na Galeria da Rainha, no Palácio de Buckingham.

Esboço inédito apresentado no Reino Unido

Esboço inédito apresentado no Reino Unido

"Mundo" traz tema da paisagem natural e social

"Mundo" traz tema da paisagem natural e social

Inquietações e desejos na retrospectiva de Amador Perez

Inquietações e desejos na retrospectiva de Amador Perez