CCBB apresenta "Diversidades" no Madrugada no Centro

CCBB apresenta "Diversidades" no Madrugada no Centro

Lineker e banda abrem a noite, Alice Caymmi é a convidada especial e a Festa Odara encerra com Tropicalismo

Essa é a terceira edição do Projeto Madrugada no Centro, que acontece desde 2014, com o objetivo de resgatar a tradição boêmia e musical do Centro do Rio de Janeiro, em linha com o movimento de revitalização da região. A programação é sempre um convite para uma viagem à musicalidade carioca e proporciona também oportunidade para quem ainda não visitou ou deseja revisitar a exposição em cartaz no espaço cultural - até janeiro tem "Mondrian e o movimento De Stijl".  Abrindo a noite, o cantor e multiartista Lineker apresenta ao público o show de seu mais recente álbum, Lineker, lançado em novembro de 2016. Produzido pelo próprio cantor em parceria com o pianista e produtor musical Chicão, o disco é o primeiro trabalho autoral de Lineker, que assina oito das 11 faixas inéditas. Acompanhado de sua banda, o artista flerta de forma intensa com o pop experimental contemporâneo e a nova MPB, e ainda traz para o palco toda sua bagagem de bailarino e performer, em um espetáculo intenso, performático e visceral. Suas canções passeiam por temas diversos, como desejos, amores, desconstruções de gênero, sexualidade, refletindo tensões políticas e sociais. Além do repertório de seu novo disco, o show traz canções de seus álbuns anteriores, “eLe” e “Verão”.

Primeiro álbum de Alice Caymmi chamou a atenção de Björk  / Foto: Daryan Dornelles

Primeiro álbum de Alice Caymmi chamou a atenção de Björk  / Foto: Daryan Dornelles

Expoente da terceira geração da família Caymmi, Alice é um dos grandes nomes da moderna música brasileira. Seu recente disco, Rainha dos raios, é uma verdadeira descarga eletrizante de criatividade no universo pop. Com uma personalidade incandescente, já chamou a atenção até de Björk, que manifestou publicamente em rede social o encantamento pela abordagem de sua Unravel (Björk e Guy Sigsworth) no primeiro álbum de Alice Caymmi.

Festa celebra Movimento Tropicalista

Reunindo música brasileira da melhor qualidade, foi criada há nove anos em São Paulo para celebrar o movimento tropicalista. Com direção artística de Rodrigo Faria, acontece também no Rio de Janeiro, em Belo Horizonte e em Brasília, levando DJs, VJ e/ou bandas como atrações. Em março de 2014, criou sua banda oficial, a Odara. O trabalho de pesquisa musical, tanto dos DJs residentes, Rubens Ca e Johnny Harp, como da banda Odara, não é só o de garimpar os grandes clássicos dançantes da música brasileira. Eles revelam o talento de novos artistas, confrontando gerações ao melhor estilo tropicalista. O repertório vai de Caetano Veloso, Os Mutantes, Zé Keti, Luiz Gonzaga, Rita Lee, Raul Seixas a Bonde do Rolê, Robertinho do Recife, Wando, Reginaldo Rossi, entre outros.  

Próximas edições do evento

A primeira festa no CCBB Rio foi realizada em 11 de outubro, comemorativa dos 27 anos do Centro Cultural, com o DJ Montano, BossaCucaNova, BNegão, DJ MAM com a Festa Sotaque Carregado e Valéria Houston. O evento aconteceu durante o "viradão" da abertura da exposição "Mondrian e o movimento De Stijl". A segunda noite, no dia 19 de novembro, abordou o tema Consciência Negra, com mais um "viradão" da exposição de Mondrian com programação especial com o Baile Black Bom nas picapes, show da banda Consciência Tranquila, participações especiais de Babu Santana, Da Ghama e Gerson King Combo, e os DJs Flash e Tamy, além de performance de dança urbana com o grupo JL & G'Killaz. Depois desta terceira edição neste dezembro, vai restar aguardar pelas duas últimas edições da temporada, marcadas para os dias 21 de janeiro e 18 de fevereiro de 2017.

"Madrugada no Centro"
Dia 17, às 23h
Término dia 18, às 4h
 
Abertura dos portões às 22h, com entrada gratuita por ordem de chegada.
Sujeito à lotação do espaço que tem capacidade para 800 pessoas

 

 
Orquestra Violões do Forte faz apresentação única

Orquestra Violões do Forte faz apresentação única

O convite de Alexandre Sá em "Passagens // Transferências"

O convite de Alexandre Sá em "Passagens // Transferências"